Qual a motivação para carregar essa bandeira ?

Bandeira do ZABBIX na sede da ZABBIX SIA

Ao chegar na sede da ZABBIX SIA temos bandeiras sob o céu cinzento de Riga. Ao enxergar as bandeiras (especialmente a do ZABBIX) um pensamento logo me veio a cabeça: qual a motivação para que uma pequena empresa brasileira buscasse a 6 (seis) anos uma parceria com uma  pequena empresa na Letônia. Para buscar essa resposta precisamos  compreender um pouco mais de cada empresa.

 A ZABBBIX SIA nasceu da ideia do Alexei em desenvolver o ZABBIX como um software livre para monitoramento. Desde então o esforço tem sido nessa direção, uma das primeiras decisões da ‘nova empresa’  foi exatamente reforçar esse posicionamento: o ZABBIX sempre será OpenSource e não terá versões Enterprise ou Professional ou qualquer nomenclatura que venha a diferenciar duas versões do software. Não são raras as vezes que encontramos softwares com uma infinidade de boas funcionalidades mas que nem todas elas estão disponíveis na versão OpenSource (vide ZIMBRA CE e ZIMBRA NE,  Zenoss Core e  Zenoss EE, RedHat tem o Ovirt e Fedora, etc) ou seja as empresas nascidas no mundo OpenSource não são SOMENTE OpenSource. A  ZABBIX SIA te resistido e continua somente provendo serviços relacionados com o seu principal produto que é o ZABBIX. Até quando isso será assim ? Conforme o Alexei, será sempre assim … ou ao menos será sempre assim até que mude. É difícil prever como o mercado irá se comportar e o que irá exigir quando ‘virarmos a esquina’. Mas certamente podemos e devemos aproveitar o que ainda não mudou, se é que um dia irá mudar, e continuar explorando tudo o que esse software nos permite fazer.

A Unirede nasceu com o objetivo de prestar serviços orientados a plataformas OpenSource. O principal objetivo dessa decisão foi optimizar o investimento nos projetos que iríamos conduzir e com isso conseguir agregar mais de nossos serviços ao ambiente dos clientes já que não existiria a necessidade de aquisição dos softwares envolvidos. Desde o nascimento da Unirede viemos trabalhando nesse cenário, obviamente nem sempre foi possível atuar somente com SoftwareLivre  já que plataformas proprietárias vão muito bem em alguns segmentos. Desde então adotamos algumas plataformas específicas para cada segmento: ZABBIX para monitoramento, ZIMBRA para colaboração, pfSense para firewall, OTRS para fluxo de trabalho, Bacula para backup e assim por diante. A plafatorma de monitoramento foi e (continua sendo) nosso principal produto, e isso aconteceu de forma natural visto que o Monitoramento (NOC) é nossa especialidade.

Nesse cenário a Unirede encontrou a ZABBIX SIA em meados de 2007. O objetivo era, de fato, firmar uma parceria. Nossa avaliação do software nos mostrava que o futuro era promissor e existia um grande potencial de negócios para as duas empresas. Para a Unirede o ganho imediato era em abosrver mais conhecimento na ferramenta que optamos por utilizar para monitoramento. Para a ZABBIX SIA o ganho imediato era abrir as portas para um mercado, até então, pouco explorado. Nesse ponto tinhamos alguns players de peso e com uma boa base de usuários utilizando  seus softwares (Nagios, Cacti, Hobbit Monitor, WhatsUP, BigSister, BigBrother, etc), o desafio era introduzir o ZABBIX nesse contexto e plantar uma dúvida na cabeça dos usuários: o que é esse tal de ZABBIX ?Â

 Hoje tenho consciência de que os que estão aqui em Riga, prestigiando a ZABBIX Conference, não estão falando e pensando somente em itens, triggers, gráficos, mapas ou telas … na verdade estão buscando maneiras de melhorar cada vez mais o ZABBIX,  tentando encontrar formas de aproveitar ao máximo os recursos dessa ferramenta e … trilhar com  a ZABBIX SIA o caminho idealizado pelo Alexei quando iniciou a sua jornada com o ZABBIX.

Quem está na ZABBIX Conference 2012, quem ajuda nos fóruns, quem criou uma comunidade de usuários ou quem desenvolveu algo para o ZABBIX e compartilhou com a comunidade, na verdade está carregando a bandeira.Â

O que nos motiva é justamente o desafio de melhorar e divulgar essa ideia que saiu da cabeça de uma cara aqui na distante Letônia e que trouxe mais de 150 participantes de diversos países para ajudar a carregar a bandeira.

Assine a nossa Newsletter!

Quer saber de próximos treinamentos, notícias, publicações, webinars e também sobre eventos da Unirede? Assine a nossa Newsletter e fique por dentro de todas as novidades.

Você pode gostar também…

O que é monitoramento 24×7?

O que é monitoramento 24×7?

Se você é dono ou gestor em algum setor de uma empresa, certamente já perdeu algumas noites de sono pensando se o seu site estava funcionando durante a madrugada, se nenhum ataque cibernético aconteceu ou simplesmente pensando se na manhã seguinte estaria tudo ok com...

O que são dashboards?

O que são dashboards?

O que são Dashboards? Como eles auxiliam no monitoramento de um negócio?   Muita coisa evoluiu desde a revolução tecnológica nos anos 90. Passamos de apenas “era digital” e agora vivemos a “era dos dados”.  A cada dia mais de 2,5 exabytes (25.000.000.000.000.000.000...

O que é Zabbix

O que é Zabbix

O que é Zabbix? Se você é um profissional de TI, provavelmente já ouviu falar sobre Zabbix. Mas afinal, como explicar para os familiares, amigos e interessados o que é Zabbix? Por que essa ferramenta de monitoramento é tão importante no desempenho, segurança e gestão...

2 Comentários

  1. André Déo

    Eh meu amigo, ao ler a entrevista do Kodai ano passado e agora ao ler esse seu post, e depois de termos nos conhecido pessoalmente, acho que nem precisaria comentar, mas é exatamente assim que me sinto.

    Eu tenho amor por esse software…

    Responder
  2. Luciano Alves

    Oi Deo,

    Durante a ZABBIX Conference tive o sentimento de que o ZABBIX não pertence a uma única pessoa e/ou empresa, na verdade o ZABBIX pertence a comunidade que tem ajudado a levar esse software o mais longe e mais alto possível. Esse sempre foi, é e será o desafio.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest